Página incial Futebol Aproveitamento de Ceni em clássicos tem queda brusca após derrota para o...

Aproveitamento de Ceni em clássicos tem queda brusca após derrota para o Vasco

4
0

Desde que assumiu o comando do Flamengo, em novembro de 2020, Rogério Ceni venceu dois dos quatro clássicos cariocas disputados – todos pelo Campeonato Brasileiro. Derrotado nos outros dois confrontos, o aproveitamento do treinador diante dos rivais estaduais é de 50%.

O primeiro clássico de Rogério Ceni ocorreu em dezembro de 2020. No Nilton Santos, o Flamengo venceu o Botafogo por 1 a 0, com gol de Éverton Ribeiro aos 55 minutos de jogo. Quatro rodadas depois, o comandante experimentava sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro e, consequentemente, em confrontos cariocas – 2 a 1 de virada para o Fluminense, em janeiro de 2021.

Cabe destacar que o Botafogo é o único adversário do Rio de Janeiro que ainda não venceu este Flamengo de Ceni. Por outro lado, o Fluminense não sofreu nenhum revés para o Mais Querido desde que o ex-goleiro chegou à Gávea. O Tricolor também triunfou diante do grupo comandado por Maurício Souza.

A vitória por 2 a 0 contra o Vasco, pela 34ª rodada do Brasileirão 2020, marcou, também, o resultado mais largo já aplicado por Rogério Ceni em um clássico carioca. Em compensação, o maior revés ocorreu diante do mesmo adversário: 3 a 1 nesta quinta-feira (11), pela nona rodada do Carioca.

Além do Vasco, o Flamengo disputou clássicos contra o Botafogo e Fluminense nesta temporada 2021. O time que foi a campo nas duas ocasiões, no entanto, era comandado por Maurício Souza e não foi contabilizado na porcentagem de Rogério Ceni. O grupo alternativo foi derrotado pelo Tricolor, pela terceira rodada do Carioca, e triunfou sobre o Alvinegro, dois jogos depois.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome