Página incial Futebol Ceni lamenta ausência de Arrascaeta e explica estratégia de substituição do uruguaio

Ceni lamenta ausência de Arrascaeta e explica estratégia de substituição do uruguaio

6
0

Nesta quinta-feira (15), o Flamengo teve uma atuação para esquecer e perdeu de forma vexatória para o Vasco. Sem Rodrigo Caio e Arrascaeta, o Mais Querido sentiu muita falta de dois dos seus principais atletas, e amargou um 3 a 1 para o arquirrival. Em coletiva após a partida, Ceni lamentou a ausência do uruguaio, e explicou a estratégia adotada para suprir a falta do camisa 14.

– O Arrascaeta faz muito falta. Desde que eu estou aqui, se não me engano, ele esteve em todas. Nós tentamos manter dois meias, colocando pro Gerson fazer esse papel. E colocando o João Gomes que vem entrando, junto com o Diego. Manter mais ou menos esse sistema de jogo -, disse Ceni.

Sem Arrascaeta, Rogério Ceni fez uma série de mudanças injustificáveis e desorganizou todo o time do Flamengo. Com diversos jogadores fora de suas posições, o Mais Querido não conseguiu impor seu ritmo, errou tudo o que tentou e viu o Vasco quebrar uma invencibilidade de 17 jogos.

Arrascaeta não entrou em campo devido à um imbróglio entre seu staff e o Flamengo. Os empresários do jogador desejam negociar uma renovação do atleta, que tem contrato com o Mais Querido até 2023. O Rubro-Negro, por sua vez, justificou a ausência do atleta como uma entorse no tornozelo.

Apesar da derrota, o time principal não tem tempo para lamentar e precisa focar todas as atenções para o jogo da próxima terça-feira (20). O Flamengo vai enfrentar o Vélez, da Argentina, na estreia da Libertadores, e vai até a casa do adversário para tentar garantir a primeira vitória na busca do tricampeonato.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome