Página incial Destaque Clubes não chegam a acordo com a Globo pelos direitos do Carioca

Clubes não chegam a acordo com a Globo pelos direitos do Carioca

2
0

O Flamengo não quer abrir mão da Fla-TV em que tinha maior rentabilidade, o Fluminense também queria manter sua TV.

A negociação da Globo para a compra dos direitos do pay-per-view do Carioca congelou, isto é, não há mais conversas em curso. Há uma descrença das duas partes de qualquer acerto para o próximo campeonato. Mais do que isso, há ainda um impasse entre times sobre a divisão do dinheiro para o próximo Estadual.

A Globo deixou o Carioca no meio do ano passado quando rescindiu o contrato com a Fferj e os clubes. Depois disso, no início do ano, ainda fez uma proposta bem mais baixa para retomar os direitos. Mas os clubes optaram pela Record e por um ppv próprio.

Alguns clubes insatisfeitos com os resultados financeiros do Carioca buscaram a emissora para saber se haveria interesse na aquisição do pacote pago para 2022. A Globo chegou a sinalizar com uma proposta em torno de R$ 45 milhões.

Mas houve diversos problemas no meio do caminho: 1) O Flamengo não queria abrir mão da Fla-TV em que tinha maior rentabilidade, o Fluminense também queria manter sua TV 2) Há um processo da Ferj contra a Globo em curso para o qual não houve acordo 3) Os clubes começaram a ter desentendimentos sobre a divisão de recursos.

Em paralelo, há discordâncias entre os clubes sobre a distribuição do dinheiro. Times pequenos alegam que, da forma como ocorreu em 2021, ficam com uma parte quase insignificante da receita. Afinal, o contrato de TV Aberta da Record será apenas de R$ 15 milhões, e o dinheiro do PPV é recebido pelos grandes por suas TVs. Essas equipes querem, pelo menos, valores dos pacotes vendidos pela Claro. Há um impasse, portanto, em relação ao dinheiro para 2022.

Fonte: Blog Do RODRIGO MATTOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome