Página incial Do Lado de Fora do Campo Marcelinho Carioca exalta Flamengo ao criticar Corinthians: ‘É uma potência’

Marcelinho Carioca exalta Flamengo ao criticar Corinthians: ‘É uma potência’

4
0

Formado na base do Flamengo, o ex-jogador Marcelinho Carioca rasgou elogios às novas gestões do clube. De acordo com o Pé de Anjo, o Rubro-Negro se tornou uma potência porque soube se reorganizar com Bandeira de Mello. Apontando muitos erros no Corinthians, criticou o momento do Timão e disse que o time de hoje é “um terror”. As afirmações foram feitas à Rádio Bandeirantes, nesta segunda-feira (28).

Multicampeão pela equipe paulista, Marcelinho atualmente é comentarista. Mas em entrevista após o empate do Corinthians em 1 a 1 com o Fluminense, no último domingo, o ex-craque criticou a gestão corinthiana. Comparando com o Flamengo, afirmou que precisam seguir o exemplo da reformulação feita no Mais Querido:

“É uma covardia contra a instituição (as dívidas). O Corinthians, ao lado do Flamengo, é o maior clube do Brasil. Se explorar a marca Corinthians internacionalmente, o clube consegue chegar no patamar em que está hoje o Flamengo. Porque o Flamengo fez um plano de negócios, um cronograma financeiro”, disse Marcelinho Carioca.

Em seguida, exaltou a gestão Bandeira de Mello, iniciada em 2013. Foi a partir dela que o Flamengo modificou seu modelo gerencial e passou a sanar as dívidas:

“O Bandeira de Mello chegou e disse que não ia pensar em título por alguns anos. Mas que ia pagar as dívidas trabalhistas, todas as pendências e depois pensamos em título. E foram cobrar ele, questionar. Mas hoje o Flamengo é uma potência devido à gestão dele”, lembrou.

“Corinthians é um terror”, diz Marcelinho

Entretanto, não foi apenas sobre o modo como o Corinthians é gerenciado que o Pé de Anjo disparou suas críticas. De acordo com ele, o time atual é um “terror”:

“Fazendo uma analogia, quando existia o PlayCenter e as pessoas iam no PlayCenter, ninguém queria ir no trem-fantasma, no barco viking e no pêndulo. O Corinthians é exatamente isso. É um terror. É um trem-fantasma. Ninguém sabe o que vai acontecer. Não tem condição técnica, não tem jogadores do nível do clube para dizer que vai brigar por Sul-americana, que vai chegar bem”, declarou.

Afirmando que a equipe atual não tem futuro, Marcelinho foi ainda mais duro nas palavras. De acordo com ele, “nem Guardiola daria jeito”:

“Vai ganhar de time pequeno. E sorte dos atletas que a torcida não está no estádio para cobrar. Senão a bola ia pegar mais fogo no pé ainda. Pode ser o Sylvinho, qualquer treinador, o Guardiola. O Renato nem veio, porque sabe que a situação é desesperadora. Ele pediu reforços e a direção disse que não poderia. E ele pediu uma bagatela. Em qualquer campeonato, o Corinthians vai ser desesperador”, finalizou Marcelinho Carioca.

Atualmente com 49 anos, o ex-jogador foi revelado pelo Flamengo em 1988. Esteve no elenco campeão da Copa do Brasil de 1990 e Brasileiro de 1992. Mas no ano seguinte, a diretoria negociou o craque, contra sua vontade, com o Corinthians.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome