Página incial Destaque Zico faz crítica a Ceni e diz que técnico “lembra o Dome”...

Zico faz crítica a Ceni e diz que técnico “lembra o Dome” no Flamengo

4
0

O Flamengo de 2019 foi um time que marcou época, conquistando o Brasileirão e a Libertadores da temporada, repetindo feito que apenas o Santos de Pelé havia conseguido. Na temporada seguinte, o Rubro-Negro, apesar de ter conquistado mais títulos, se mostrou irregular, cenário que segue em 2021. Em meio a isso, o maior ídolo da história do clube, Zico fez críticas ao trabalho de Rogério Ceni.

Dentre os pontos negativos apontados pelo eterno camisa 10 da Gávea, ele reclamou das constantes mudanças de posições e improvisos feitos pelo treinador. De acordo com o ex-jogador, isso prejudica as características dos atletas e, consequentemente, reflete no encaixe do time.

– Eu acho que o Flamengo tem duas posições que os caras são fortíssimos: o Rodrigo Caio de zagueiro pela direita e o Arão de volante. Eles são fantásticos. Então, colocar um que não está bem, razoável […] Se você faz uma rodagem, bota o Arão na zaga e o Rodrigo Caio na esquerda, você vai ter um mais ou menos na zaga central e um mais ou menos na esquerda. Se o Rodrigo Caio estivesse na direita, ele não seguraria a camisa (do Rony, na Supercopa do Brasil). O tipo de cobertura é um, a maneira de jogar é outra. O Arão, se tivesse de volante, já saberia como se comportar se receber um drible de calcanhar (do Raphael Veiga). De volante ele já sabe como vai, de zagueiro é outra coisa -, disse ele, em entrevista ao portal ‘Goal’.

Na sequência, o Galinho também mostrou preocupação com o potencial dos adversários enfrentados pela equipe. Isso porque, frente às equipes de menor expressão no Campeonato Carioca, o Fla foi bem. No entanto, o desempenho contra o Palmeiras e também no Clássico dos Milhões deixou a desejar, chegando a comparar o atual treinador a Domènec Torrent, primeiro técnico da equipe após Jorge Jesus.

– Quando pegou time de camisa, o Flamengo sofreu. Perdemos contra o São Paulo (na última rodada do Brasileirão 2020), foi o senhor absoluto do jogo. Contra o Palmeiras, teve várias jogadas que (o adversário) poderia ter ganho o jogo, e aconteceu contra o Vasco. O Flamengo foi vulnerável. Em uma Libertadores, fora de casa, time argentino…. Me lembra o Dome, jogar de peito aberto e leva uma ‘cachapada’. Isso que me preocupa.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome