Página incial Futebol Após ser alvo de críticas na arquibancada, Gabigol rebate dirigentes do Vasco...

Após ser alvo de críticas na arquibancada, Gabigol rebate dirigentes do Vasco e faz provocação

6
0

Após vencer o Palmeiras de forma heróica e garantir a taça da Supercopa pela segunda vez consecutiva no último domingo (11), o Flamengo entrou em campo nesta quinta-feira (15) com postura totalmente diferente da apresentada na decisão em Brasília. O Rubro-Negro saiu derrotado do clássico para o Vasco por 3 a 1, no Maracanã, e perdeu a invencibilidade de 17 jogos para o Cruzmaltino. Em meio ao caos, Gabigol foi alvo de críticas da arquibancada e rebateu os vascaínos fazendo o número dois com a mão, em alusão à Série B do Campeonato Brasileiro.

Nos minutos finais do Clássico de Milhões, o clima quente tomou conta até dos dirigentes que estavam na arquibancada. Os funcionários do Cruzmaltino provocaram o Mais Querido, que responderam cantando “Ão, ão, ão, segunda divisão”. Além disso, como mencionado anteriormente, Gabigol também ‘entrou na pilha’ dos rivais e provocou a delegação do adversário, fazendo o número dois com a mão, em referência à Série B do Brasileirão, que será disputada pela quarta vez na história do Vasco.

Com a derrota no clássico, o Flamengo perdeu a invencibilidade diante do Vasco de quase cinco anos sem perder para o rival carioca. A última vitória do rival havia sido no dia 24 de abril de 2016. Desde então, os clubes disputaram 17 jogos, com oito vitórias do Mais Querido e nove empates.

Após derrota para se esquecer, o Flamengo se prepara para o duelo contra a Portuguesa, também pelo Campeonato Carioca. A tendência é de que Rogério Ceni poupe os jogadores da equipe titular no sábado (17), e mande a campo a ‘equipe alternativa’ que começou a competição Estadual, já visando a estreia na Copa Libertadores, na próxima terça (20).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome