Página incial Futebol Flamengo comprou mais 25% de Renê por R$ 7 milhões

Flamengo comprou mais 25% de Renê por R$ 7 milhões

4
0

Na última semana, o Flamengo divulgou o balanço financeiro de 2020 e publicou o investimento feito pelos direitos econômicos dos jogadores realizados durante a última temporada. No entanto, um valor elevado por um jogador antigo no elenco atual chamou atenção. Na planilha, dados mostraram que o Mais Querido desembolsou cerca de R$ 7 milhões para adquirir 25% dos direitos econômicos do lateral Renê, atrelados à empresa MP Eventos, que detinha de um percentual do atleta junto ao Sport. A informação foi divulgada primeiramente pelo repórter Venê Casagrande.

Renê chegou ao Flamengo em 2017, e é um dos atletas mais antigos do elenco atual. Na ocasião, o Mais Querido desembolsou R$ 3,9 milhões para adquirir 50% dos direitos do jogador. Os outros 50% restantes ficaram divididos entre o Sport e à empresa MP Eventos. No entanto, em janeiro de 2020, o Fla renovou o contrato com o lateral e comprou o percentual da companhia que detinha de 25% dos privilégios do defensor.

Em meio a isso, vale destacar que, ao fazer uma conta acerca do valor total do atleta, é possível analisar que Renê custou aos cofres rubro-negros cerca de R$ 10 milhões por 75% dos direitos econômicos. Dessa forma, cabe lembrar que, além desses números, o Sport ainda detém de 25% dos privilégios do jogador.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Faça seu comentário
Digite seu nome